domingo, 13 de abril de 2008

Algo sobre Procrastinação...

Olha, bem que tentei, pensei poesia não deu certo, tentei fazer um conto e não finalizei, tentei uma musica, o nome seria There is no Tomorrow, e consegui somente essas duas estrofes:

Right now,
it doesn't even matter quite how
Its not even a question of know-how
Just don't forget about right now.

Cause if tomorrow
If tomorrow never comes
What u should have done,
What u should have said,
How things would have been,
Right now. Right now.

Calma, deixa eu explicar, o K.J. definiu esse tema, ingrato tema, a culpa não foi minha, eu tinha coisas mais importantes para fazer do que me deparar com o esforço de escrever sobre procrastinação.

Na segunda, hmmm, não, a segunda eu não lembro o que eu fiz, aparentemente dormir estava envolvido, na terça estudei como qq outro bom estudante, de manha até a noite, na quarta estudei e "trabalhei", estava morto, até tentei fazer a poesia como disse acima, não deu. Quinta, ah na quinta eu tinha que fazer um trabalho atrasado que vou entregar na quarta, mas não terminei o trampo na quinta, então ele ficou para sexta, e na sexta tb não terminei, ficou para outra pessoa do grupo terminar, e com isso na sexta tentei a musica, não deu por completo.

Sábado? Poxa, hora de descansar não é? Escrevo a noite, não deu, aquele filme de sábado da HBO não permitiu, ele tinha 3h e depois estava tarde, tinha que dormir. Claro, no domingo eu faço, isso claro depois de ir no supermercado pela manha, depois então. Bom depois eu não podia, tinha que limpar a casa. Depois do almoço? Não não, preparação psicológica para a semi-final do campeonato paulista... Depois do jogo? Não, muitas mesas redondas, fica para depois.

Agora é depois, estou escrevendo que estou deixando para depois, agora é o Fantástico, tenho que saber o que esta acontecendo com o mundo não é mesmo? Os planos para semana? Simples, fazer o trabalho que não terminou, estudar o que tinha que ter estudado esta semana que passou, me preparar psicologicamente para mais um jogo no domingo e procrastinar o máximo possível, tudo que possível. hmmm, estou me contradizendo não é mesmo? Pois bem, procrastine quando puder, quando não puder, trabalhe/estude/pesquise/ao qq outra coisa imadiata, ou então nunca procrastine, mas não esqueça de viver, de tirar aquele tempo só para você e a vastidão da sua imaginação.... ahhhhhh.... procrastinar ou não? Sei lá.

Resumo da opera, meia poesia em forma de musica, ou meia musica em forma de poesia, meio conto em forma de desculpa ou meia desculpa em forma de conto, no fim, tudo deu certo, portanto boa noite, semana que vem postaremos sobre.... Bom... Decidiremos sobre isso amanha, não preciso postar agora o tema ;-)

2 comentários:

Char disse...

acabei de ver seu comentário. =) ia comentar algum post antigo pra não perder a linha,mas realmente gostei desse texto mesmo.E mais um apreciador da C. lispector :))

beijo

Anônimo disse...

Excelente!!!!